População carcerária LGBT tem direitos garantidos no Pará

Versão para impressãoEnviar por e-mailVersão em PDF
O Pará foi o primeiro estado brasileiro a autorizar a visita íntima homoafetiva nos centros de detenção, ainda no ano de 2009. (Akira Onuma)

Últimos albuns