Susipe intensifica revistas nas unidades prisionais durante Operação Verão 2018

Versão para impressãoEnviar por e-mailVersão em PDF
Mais de 2.400 agentes prisionais participam da Operação Verão 2018 em todas as 46 unidades prisionais do Estado. A segurança nos complexos penitenciários de Santa Izabel do Pará, Marituba e Ananindeua será reforçada.

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) trabalhará de forma integrada com os demais órgãos do Sistema de Segurança Pública durante a Operação Verão 2018. As principais ações adotadas, em parceria com as polícias Civil e Militar, serão intensificar as revistas nas unidades prisionais do Estado e condução e transporte de pessoas presas em Salinópolis. Um caminhão-cela, com capacidade para 20 presos, e um furgão serão cedidos pela Susipe aos finais de semana de julho.

Durante a Operação Verão 2018, as unidades prisionais da capital e do interior terão o espaço aéreo monitorado para acompanhar a movimentação de presos. O Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) fará sobrevoos programados aos finais de semana.

Segundo o diretor de Administração Penitenciária da Susipe, coronel Wilson Carlos Araújo, haverá ainda plantões extras para agentes prisionais, além de rodízios semanais dos detentos para liberação de vagas em unidades próximas aos balneários de maior fluxo.

“Este ano faremos o reforço no quadro de agentes penitenciários com o aumento da jornada de trabalho para auxiliar no apoio às unidades prisionais, além de contarmos com o apoio durante as rondas realizadas pela Polícia Militar. Faremos também as transferências dos presos para a liberação de vagas, especialmente nas unidades prisionais próximas de balneários, disponibilizando vagas e facilitando a logística de transporte dos presos”, explicou o coronel Wilson Carlos Araújo.

Mais de 2.400 agentes prisionais participam da Operação Verão 2018 em todas as 46 unidades prisionais do Estado. A segurança nos complexos penitenciários de Santa Izabel do Pará, Marituba e Ananindeua será reforçada com rondas ostensivas diárias e revistas semanais, para coibir possíveis tentativas de resgate e fugas nas penitenciárias. Em Salinópolis, o efetivo de agentes penitenciários também será ampliado.

“Vamos deslocar, durante os finais de semana de julho, uma viatura com agentes penitenciários que atuarão no município de Salinópolis, juntamente com as demais equipes de trabalho da Segup (Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social) na Praia do Atalaia. A Susipe ficará responsável pela condução das pessoas que cometerem algum tipo de crime ou delito à Seccional, ou até mesmo para a unidade prisional do município, com o objetivo de reforçar a segurança na praia e agilizar o trabalho da PM”, ressaltou o diretor-geral Penitenciário da Susipe, coronel Mauro Matos.

Balanço - No primeiro final de semana da Operação Verão 2018 foram registradas 23 prisões na Região Metropolitana de Belém (RMB). Já no interior do Estado foram efetuadas 31 prisões, sendo Marabá o município que registrou o maior número de prisões (11), entre o período de 29 de junho a 1º de julho.

A Susipe atuará ainda em parceria com o Centro Integrado de Operações (Ciop), por meio do Núcleo Gestor de Monitoramento Eletrônico (NGME). Uma equipe de agentes estará de plantão 24 h para acompanhar a movimentação, em tempo real, dos mais de 1.700 internos monitorados por tornozeleiras eletrônicas na RMB.

Reinserção - Mais de 5 mil sacolas de lixo devem ser distribuídas nas praias de Mosqueiro, Marabá e Salinópolis por detentos que participam do Projeto Conquistando a Liberdade.

A ação de conscientização ambiental, com a distribuição das sacolas biodegradáveis, tem como objetivo conscientizar os banhistas a não poluírem as praias, estimular o descarte responsável e, ao mesmo tempo, promover a reintegração dos internos na sociedade, por meio do trabalho voluntário. O trabalho já é realizado há três anos nos finais de semana de julho.

Por Walena Lopes | Foto: Agência Pará.