Susipe mudará plataforma de correio eletrônico e disponibiliza e-mails alternativos

Versão para impressãoEnviar por e-mailVersão em PDF
Toda a documentação relativa à custódia da pessoa presa é recebida pela Susipe de maneira eletrônica, por meio dos sistemas LIBRA-TJE, PJE, SEEU, Central de Mandados da Justiça Federal e ainda e-mails institucionais, para as providências necessárias.

O Gabinete da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) informa que em razão da necessidade de manutenção na plataforma de correio eletrônico institucional utilizada pela Autarquia, a partir de 03 de dezembro de 2018, o WEBMAIL SUSIPE será desativado em definitivo. 

O atual sistema de correio eletrônico da Susipe necessita de atualização e implementação de novos recursos e ferramentas para otimização e segurança da comunicação de dados entre órgãos integrantes do Sistema de Justiça Criminal e demais instituições que utilizam o correio eletrônico institucional para envio e recebimento das demandas pertinentes à Administração Penitenciária.

Toda a documentação relativa à custódia da pessoa presa, seja na condição de ativo ou passivo, é recebida pela Susipe de maneira eletrônica, por meio dos sistemas LIBRA-TJE, PJE, SEEU, Central de Mandados da Justiça Federal e ainda e-mails institucionais, para as providências necessárias ao seu cumprimento.

Dessa forma, toda a correspondência eletrônica, a partir do dia 03/12/2018, será recebida por todos os setores da Susipe, temporariamente, através da plataforma GMAIL, de acordo com a relação disponibilizada, abaixo (e também disponível no menu "contatos" na home do site da Susipe), dividida entre a sede administrativa, Diretoria de Execução Criminal, Unidades Penais da Região Metropolitana de Belém (RMB) e Unidades Penais do interior.

 

Gabinete da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará

Belém, 30 de novembro de 2018.